Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

menteconspiradora

A conspiração está de volta

É verdade, depois de um tremendo celibato, a conspiração voltou, estive amarrado a uma cadeira até hoje, tudo porque as mulheres não queriam que eu dissesse nada , escreveram textos em meu nome para que parecesse que as conspirações não existiam, mas pessoal existem, estão ai por todo o lado e a maior delas é o dia de São Valentim.

Sim, sei que parece difícil acreditar nisso, ou que este texto esteja demasiado desactualizado, mas só hoje é que me libertei dos nós que me prendiam os braços à cadeira, só hoje pude voltar a pegar num teclado e escrever de novo o que me vai nesta doida cabeça a minha, demente e podre mesmo.

Imaginem o que é este dia para quem namora, ser-mos bombardeados com presentes para lhes dar e porquê? Já tivemos de nos lembrar do dia em que nos vimos pela primeira vez, o dia em que falamos pela primeira vez, o dia em que lhes pedimos em namoro, o dia em que aceitou esse namoro, o dia do primeiro beijo, o dia da primeira saída, o dia em que dormimos juntos, o dia em que trocámos de cuecas, o dia em que largámos as fraldas , o dia em que nascemos, o natal, o carnaval, a páscoa, o coelho da páscoa, o pai natal, é pá, porra é de mais, não dá, não tenho agenda para estas coisas todas, todos os dias há algo para me lembrar e depois ainda levo com o dia do São Valentim e tenho de me lembrar que tenho de lhe dar algo especial, que ainda não lhe tenha dado, porra pá, ela já tem as lojas de Lisboa em peso no quarto, não há nada que não tenha e mesmo assim atira-me com indirectas de coisas a comprar mais caras do que o meu ordenado anual e se lhe damos algo mais ao nosso alcance, “algo barato e que dê para poupar dinheiro para umas cervejas frescas, tremoços e futebol”, desatam a chorar e a dizer que não as amamos o suficiente.

Porra eu nem me amo a mim próprio! E não ando para ai a chorar pelos cantos, “da-se”, faço tudo por ela e ela? Nada! Claro, estavam à espera do quê? Milagres?

Like

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blogs Portugal

blogsportugal

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D