Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

menteconspiradora

A Constituição Portuguesa pelos vistos só é boa quando lixa à esquerda!

Existe uma lei na constituição que impede que uma maioria de esquerda, aprove medidas que aumentem o défice ou que reduzam a despesa até final do ano, ora é bom saber que existem este tipo de leis na constituição, estranho é saber-mos isso agora quando a direita anda a roubar o pais desde 1974.

Em Portugal continua tudo na mesma, apesar de 60% da população ter votado em partidos de esquerda (tirando os 11 mil votantes entre os imigrantes que elegem 3 deputados do PSD e 1 do PS) fantástico saber como estas contas são feitas onde aqueles 11 mil têm mais peso do que os mesmos 11 mil que votam em freguesias que nem um deputado elegem.

Mesmo assim o povo continua a ladrar, tudo contra os comunas esses radicais de esquerda, esses barbudos criminosos, alianças com eles nunca, antes apanhar piolhos, ou cancro nas unhas!

Será que as pessoas já perceberam bem no ridículo da situação?

Que em Portugal o novo/velho primeiro ministro já arranjou ministros para o seu governo, arranjando mais 3 ministérios, onde coloca um gajo que respondeu pela idoneidade do Ladrão Ricardo Salgado e agora dá-lhe o ministério da administração interna? o mesmo ministério que tem por função mandar na policia? deve ser para que ninguém prenda o seu amigo Salgado.

Ou que colocou uma das maiores opositoras do casamento entre pessoas do mesmo sexo no novo ministério da Igualdade?

a sério?

Isto é mesmo a sério, ou andamos a brincar aos governos com a vida e o dinheiro dos Portugueses?

Não sei o que vêm de mal alguns catedráticos do apocalipse num governo de esquerda (a não ser o caso de em 40 anos de democracia nunca ter existido um), se calhar e digo-o eu, o mal é esse, em 40 anos nunca existiu em Portugal um governo de esquerda, nunca, o povo português pelo que leio e vejo tem medo, medo de terem mais direitos, medo de que acabem os recibos verdes e o trabalho precário, medo da subida do ordenado mínimo e da melhoria das condições de vida, medo de que acabe a sobretaxa (sim aquela que a nova/velha ministra das finanças prometeu acabar depois das eleições mas que afinal já não acaba), medo da reposição das reformas e aquele 13º mês que dava tanto jeito aos reformados para pelo menos terem um natal decente, se é disso que têm medo, então têm então estão com medo do quê?

Não, o medo é outro, é medo de que os mercados financeiros não gostem do aumento do salário mínimo, medo que Portugal sai-a da NATO, medo de que a Merkel não goste, medo de ... medo de quê afinal?

Acorda Portugal, porque se ter um governo realmente de esquerda é isso, então que venham 40 anos de governos de esquerda.

que os governos de direita já provaram que não funcionam!

 

Like

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blogs Portugal

blogsportugal

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D